A inovação se alia a tradição.

A inovação se alia a tradição.

Rivulis, a nova empresa de irrigação, projeta crescimento baseado na capacitação técnica,
na criação de necessidade, novos mercados e inovação de produtos.

Uma operação milionária, em junho de 2014, transferiu 100% das operações da Jonh Deere Water ao FIMI Opportunity Funds, o maior fundo de investimentos de Israel. A empresa foi rebatizada de Rivulis Irrigação e em várias regiões do mundo ganhou o sobrenome de Plastro. A sede foi transferida para o Kibbutz Gvat, em Israel, a antiga sede da Plastro Irrigação. Três meses depois da aquisição a Rivulis já operava com mais de 1000 funcionários, 11 fábricas distribuídas pelo mundo e com projeção de um faturamento anual de 240 milhões de dólares.
Quer dizer muita coisa um fundo de investimentos como o FIMI, que tipicamente investe em segmentos e empresas com forte potencial de crescimento, entrar no setor de irrigação. Uma equipe multinacional, Richard Klapholz – CEO, Eran Ossmy – General Manager para América do Sul e América Central, Friedhelm Voswinkel- Country Manager do Brasil e Guilherme de Souza, Gerente Nacional de Vendas, explicaram (em entrevista exclusiva à Irrigazine) em muitas línguas mas, uma única linguagem, a que vem essa nova marca carregada de tradição.

Somos uma empresa que vai produzir alimentos

O Fundo comprou a divisão de irrigação da gigante norte-americana para entrar no segmento de irrigação. Porque? Porque a “irrigação, basicamente, nasceu em Israel” disse Eran, e por que o FIMI é uma companhia que pensa a longo prazo.
Com atuação mundial, em cerca de 100 países, e uma nova gestão, os planos para Rivulis são de crescimento. A estrutura, em todos os aspectos, é muito mais forte que há três meses atrás (momento em que o FIMI concretizou a aquisição). Com a experiência herdada das três empresas que deram origem à nova companhia, – Roberts Irrigation Products, Plastro Irrigation Products e T- Sistems -, a Rivulis sabe sua responsabilidade em um mercado mundial onde cada vez mais é necessário produzir mais alimentos com menos água.

Potencial de Crescimento

Segundo Richard, o mercado brasileiro é muito importante nos planos de crescimento da nova empresa – até pela dimensão geográfica – e faz parte dos três países onde a Rivulis tem grande potencial de crescimento. Os outros dois são: Índia e China.
“A situação financeira da Rivulis é uma das melhores que há na indústria de irrigação e com isso e o fato de termos um único dono, tomar decisões, investir e crescer é fácil” enfatiza Eran.
Em relação ao posicionamento da nova marca no mercado, os executivos lembram que o portfólio da Rivulis não é novo, seus produtos já estão no campo em todo o mundo e com ampla aprovação dos produtores.
Para tornar a transição de marcas mais suave o FIMI, ao rebatizar a empresa, fez uma enquete mundial sobre o uso ou não de Plastro junto ao nome Rivulis. O resultado foi que em alguns países não se detectou isso como necessário em outro sim. “O Brasil optou pelo sobrenome Plastro, porque aqui ele tem tradição” justificou Guilherme.

Foco no crescimento a partir da capacitação técnica

“Criar uma rede de revendedores que se desenvolva na velocidade que a nossa empresa pretende se desenvolver no país” Guilherme.
O foco maior para crescer no Brasil é o desenvolvimento da rede de concessionárias a partir da capacitação técnica. Friedhelm explica que a Rivulis tem estrutura técnica para apoiar as revendas da marca capacitando-as. Tem habilidade regional para desenvolver projetos e oferecer serviços de consultoria para seus clientes. Agora a empresa vai capacitar as revendas para treinar os produtores. “É um tópico extremamente importante, é como uma cadeia a comunicação até o produtor, para que ele saiba como aplicar a água corretamente”.
Além disso, a empresa deve investir pesado em projetos que investiguem a viabilidade da irrigação por gotejamento em culturas não tradicionais nesse tipo de técnica, principalmente grãos e cana-de-açúcar. “Temos pouca irrigação em algumas culturas e em algum momento temos que experimentar, saber se há ou não retorno, porque o investimento para irrigar é alto, nós vamos tentar definir novos usos para a irrigação por gotejamento, temos muito potencial, vamos criar a demanda, investir e produzir”, diz Friedhelm
O susto que estamos tendo, no Brasil, com as recentes mudanças climáticas aumentou a percepção de que estender o gotejamento para outras culturas é uma demanda muito importante.

Rede de revendedores – Transição

“Nós crescemos basicamente pelas revendas” Friedhelm.
Com mudanças estratégicas, foco na capacitação técnica e flexibilidade, a rede de revendedores Rivulis é fundamental para o crescimento da empresa no mercado de Irrigação. Argumenta Eran, “nós como uma empresa pequena temos uma estrutura mais flexível. Podíamos trabalhar com muitos tipos de estrutura de vendas: Podíamos vender direto ao agricultor, vender aos distribuidores locais, ou trabalhar com os distribuidores Jonh Deere”.
Estamos dispostos a trabalhar com todas as revendas que se identifiquem com o negócio irrigação. A transição está sendo um processo tranquilo e quando terminar vamos sentar e conversar sobre crescimento com os nossos concessionários.
Em cada país, em cada região essa flexibilidade da Rivulis deve resultar em uma rede de revendedores com as características que o mercado demanda. Essa é uma das vantagens de trabalhar em uma multinacional com foco em um setor específico e que troca informações entre suas várias empresas pelo mundo. Os produtos circulam de uma fábrica para os países mais próximos, as informações circulam e as necessidades específicas de cada região podem ser melhor atendidas.

Descentralização

A irrigação está crescendo em muitas regiões, do norte ao Sul do Brasil. O que significa uma extensão de atuação enorme. Os planos da nova empresa de irrigação é que as próprias revendas possam desenvolver engenharia e projetos “A mesma unidade que vai fazer o treinamento das revendas vai capacitá-las para isso. “Temos um departamento de engenharia muito forte, isso é tradição da Plastro e continua” diz Guilherme. Esse departamento vai dar suporte para o crescimento.

“A irrigação vai mudar”

Não poderíamos encerrar a entrevista sem saber a posição da Rivulis sobre as mudanças climáticas e suas consequências para a produção agropecuária.
“Nós identificamos como nossa responsabilidade atuar de forma proativa nessa questão, por isso vamos capacitar nossas revendas para treinar os produtores a utilizar a água no volume certo, no momento certo e não gastar demais, é assim que vamos agir no mercado. A irrigação vai mudar no Brasil e no mundo, pelo impacto da situação atual, às pessoas vão ficar mais sensíveis à questão”. Friedhelm.
Guilherme avalia que é um bom momento para conscientização nacional. “Somos um país rico, temos água em abundância. Chegou um momento de pensarmos racionalmente o que fazer com essa água. Nós que trabalhamos há muitos anos com o uso racional de água – em Israel há mais de 50 anos – acreditamos que essa mudança climática que trouxe problemas para agricultura, traz um momento de expandir o conceito de uso racional de água e que nós – Rivulis – podemos contribuir para minimizar esses problemas.” Conclui.

BOX

A Rivulis Plastro Irrigação levará para a Agrishow 2015 um sistema de irrigação que garante o uso consciente da água e uma alta rentabilidade para o produtor. Pela importância da feira no agronegócio brasileiro, será ainda uma oportunidade para o lançamento da marca no mercado nacional. Também estarão no estande, produtos conhecidos do mercado de irrigação, como: Hydro PC, Hydro PCND, Hydrogol, T Tape, Rivulis D5000, D1000, válvulas, filtros e serviços de automação.

A FIMI Opportunity Funds é o maior fundo de capital privado em Israel, com mais de 2 bilhões de dólares americanos investidos em capital. Nos últimos 17 anos, o FIMI fez 73 investimentos, dos quais 45 foram concluídos. Atualmente, a FIMI opera através do seu quinto fundo que se concentra em investir numa seleção de empresas Israelenses ou em empresas relacionadas com este país e que tenham fortes potenciais de crescimento e impacto global. O FIMI tem uma ampla experiência no crescimento e melhoria de empresas operacionais com presença global conseguida por meio de atividades de desenvolvimento de negócio e excelência operativa.